Bobinas galvalume/CSN A resistência do aço unido a durabilidade do alumínio.

Bobinas Galvalume

  • – Liga Al-Zn da CSN une uma barreira protetora a uma proteção galvânica, esta é a melhor forma de proteger o aço contra a corrosão.
  • – A liga Al-Zn tem uma composição de 55% Al – barreira protetora – 45% Zn – proteção galvânica – e 1,4% Si – a chave do sucesso. Juntos eles formam o Galvalume/CSN.
  • – 1,5% de Silício proporcionam a aderência da liga zinco-alumínio ao aço.

O uso do Galvalume/CSN é recomendado onde se requer:

  • – alta resistência à corrosão atmosférica
  • – beleza estética
  • – elevada refletividade ao calor, o que gera maior conforto térmico
  • – resistência à oxidação em temperaturas elevadas

Principais características técnicas Galvalume/CSN:

Largura da tira (mín / máx) 700 / 1.600 mm
Espessura da tira (mín / máx) 0,25 / 1,55 mm
Peso máximo de bobinas 25 t
Diâmetro interno de saída 508 ou 610 mm
Diâmetro externo de saída (mín / máx) 600 / 2.070 mm
Produtos Galvanizado e Galvalume®

Peso de revestimento (mín / máx)

  Zinco
55% Al-Zn
50/200 g/m2/face
50/200 g/m2/face
Passivação Cromatização / Resina acrílica

Suas principais aplicações:
Na construção civil: Apresenta melhor relação custo X benefício do que coberturas de alumínio ou materiais não-metálicos, aliando durabilidade, estética e conforto térmico.
Na agricultura: A elevada refletividade é ideal para a estocagem de grãos em galpões e silos, pois propicia uma temperatura interior mais baixa, protegendo os grãos e sementes contra a deterioração, aumentando seu rendimento e reduzindo significativamente os custos.
Na indústria automotiva: Em defletores de calor, radiadores, buzinas, ônibus, escapamentos, entre outros.
Utilidades domésticas: Utilizado no segmento de linha branca, em refrigeradores, fornos elétricos, microondas, torradeiras e fogões que necessitam de materiais com elevada resistência à corrosão, refletividade térmica e resistência a altas temperaturas.